Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Blogue do Gato

Este gato habitou as capas da revista PCGuia durante muitos anos. Agora tem uma coluna na secção Boot de cada número em que dá uma visão felina acerca de tecnologias.

Blogue do Gato

Este gato habitou as capas da revista PCGuia durante muitos anos. Agora tem uma coluna na secção Boot de cada número em que dá uma visão felina acerca de tecnologias.

À venda no Japão desde 2009, este papel higiénico tem uma história escrita por Koji Suzuki, responsável por histórias de terror como "Ring" e "Spiral", chamada "Drop" (o que é estanhamente apropriado).

Pode dizer-se que este "livro" foi um sucesso porque já foram vendidos 300000 rolos desde que foi posto à venda por 1,9 euros (200 iénes), que, no Japão, corresponde a 10 vezes o preço de um rolo de papel normal.

Segundo o fabricante, está quase a sair a versão inglesa.

Só resta saber se a história vale a pena ler, ou se só serve mesmo para "fins higiénicos".

Via BoingBoing

 

...para a Apple.

Não se trata de um Triângulo das Bermudas transportado para a boca do Mar Mediterrâneo que fez desaparecer o rochedo. Nem foram os espanhóis que se fartaram de pedir o território de volta a Sua Majestade a Rainha de Inglaterra e o fizeram explodir com aquela bomba nuclear que os americanos perderam ao largo da costa mediterrânica de Espanha em 1966.

 

É mesmo a Apple que não deixa os utilizadores do iOS inserirem Gibraltar como localidade ou país nas fichas dos contactos. Mas o rochedo não está sozinho: acontece o mesmo às Ilhas Virgens Britânicas (mas não às Americanas), às ilhas Turks e Caicos e às ilhas Cook.

 

Isto deve-se ao facto de, ao contrário do Android, o iOS obrigar os utilizadores a escolherem o país de uma lista quando estão a inserir os dados de uma ficha de contacto e simplesmente faltam alguns territórios mais ou menos grandes.

 

Esta situação faz lembrar um bug das primeiras versões do iOS em que a app de meteorologia não admitia a cidade de São Paulo, Brasil (que é só a maior cidade da América Latina) e aceitava Mondim de Basto, Vila Real, Portugal (minha terra do coração!).

 

Fonte: The Register

Ok, admito! O título é sensacionalista! O iPhone não serve para fazer a barba, mas a máquina de barbear USB da Shavetech parece mesmo um iPhone 4!

Esta máquina funciona através da ligação USB do seu computador. Custa 39,99 dólares aqui.

Como diz no site: "the must-have grooming accessory for every tech savvy man on-the-go."

Qualquer coisa como: O acessório de higiene pessoal que todos os homens tecnológicos que viajam têm que ter.


 


Esqueceu-se das chaves em casa?

Em vez de chamar os bombeiros e a polícia e ainda as Chaves do Areeiro, pode experimentar o PVAC (Personal Vacum Assisted Climber) para trepar pela parede acima.

Este gadget funciona criando sucção, através de um aspirador montado nas costas do "alpinista", em duas peças que prendem o utilizador à parede.

O único problema que consigo ver neste dispositivo é se há uma falta de energia a meio da subida...

 

Quem nunca saiu de casa sem fazer a cama que atire a primeira pedra!

Para ajudar os apressados anónimos (ou diria mesmo os preguiçosos) a empresa espanhola OHEA inventou uma cama que se faz sozinha em apenas 50 segundos!

Funciona em modo manual ou automático.

Só não gosto da cena das almofadas estarem presas à cabeceira...

Ainda assim estes tipos merecem ganhar um prémio!

Mais info aqui

 

 

 

 

Este jarro de leite inteligente chamado Milkmaid inclui um sensor de pH na base que em conjunto com o software faz com que o jarrao consiga detectar se o leite está ou não estragado. O utilizador é avisado através de uma série de LEDs. Para além deste aviso visual, o Milkmaid manda um SMS ao dono.

O sistema fica completo com a inevitável app para iPhone que informa a quantidade de liquido, temperatura e a esperança de vida do leite.

Este projecto é resultado de um concurso da General Electric que teve como objectivo melhorar os objectos do dia-a-dia através de software.

Mais info aqui.